Mostrando postagens com marcador Premio Nacional Dolmã. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Premio Nacional Dolmã. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 5 de junho de 2015

NOTA DE AGRADECIMENTO DO PRESIDENTE DO GRUPO CONFORTO GASTRONÔMICO - GERALDO GUERRA JR.




Na condição de presidente do Grupo Conforto Gastronômico – GCG – empresa idealizadora e executora do Prêmio Nacional DÓLMÃ, venho a público para agradecer o apoio e a participação dos internautas brasileiros desde o processo de indicação até o presente processo de votação nos Chefs de Cozinha de todos os estados brasileiros.
O Prêmio Nacional DÓLMÃ foi idealizado a partir de um estudo de mercado que identificou a falta, no Brasil, de uma premiação que no mesmo momento de sua execução envolvesse ações em todos os estados brasileiros, como também, pudesse resgatar, registrar e valorizar os vários talentos profissionais existentes em cada estado.
Como premiação o Dólmã possui regras de validação, desenvolvidas por profissionais especializados, e precisam ser cumpridas para o devido processo legal de transparência, ética e principalmente democracia. Aliás, a democracia é um dos pontos mais importantes de todo o processo de indicação, votação e resultado final da premiação.
Para que o Dólmã pudesse alcançar em todo o seu processo os mais diferentes públicos possíveis, elegemos três canais para o processo de indicação, foram eles: internautas (que escolheram 01 Chef de Cozinha mais indicado por estado), profissionais da área (indicação dos Chefs premiados com a edição 2014 que indicaram no mínimo 03 Chefs e a Comissão de pesquisa escolheu um dentre eles) e a Comissão de Pesquisa que avaliou mais de 500 currículos em todo o país.
O DÓLMÃ nasceu com uma nova proposta na medida em que envolveu todos os estados brasileiros e em cada edição serão indicados 03 Chefs de Cozinha na categoria estadual e 05 Chefs na categoria nacional que juntos totalizam o número de 86 Chefs de todo o Brasil.
É natural que após a criação do Prêmio DÓLMÃ a mobilização seja nacional, devido às novas possibilidades para muitos profissionais que estão batalhando na área há muitos anos, como também, para os profissionais que estão começando a carreira.
É importante que todos nós vivamos a essência da premiação que é exatamente a riqueza da troca de experiências que acontece desde a indicação com os contatos virtuais até os encontros físicos de todos os Chefs indicados na realização do Encontro de Chefs do Brasil – ENCHEFS – e com a realização da Cerimônia de Gala do Dólmã 2015, considerada o Tapete Vermelho da Gastronomia Brasileira, onde os Chefs indicados são tratados como verdadeiras estrelas.
Para nós é uma grande honra termos o estado de Mato Grosso do Sul e o SENAC/MS como anfitriões do ENCHEFS e da Cerimônia DÓLMÃ, o que tornou possível o estado ser a principal célula da gastronomia brasileira no ano de 2015.
Os nossos eventos acontecem na programação da Semana Nacional de Gastronomia e Turismo, criado pelo SENAC/MS, que através da presença dos Chefs indicados ao Dólmã, mostrará ao Brasil, as riquezas gastronômicas, culturais e turísticas do estado de Mato Grosso do Sul.
Viveremos até o dia 30 de junho de 2015 o processo de votação dos internautas que representa um peso de grande importância no resultado final da premiação, pois será esse resultado, juntamente com os votos da Comissão Julgadora que podem levar determinados Chefs a receberem a estatueta DÓLMÃ e o título de Embaixadores da Gastronomia dos seus estados e nacional.
É importante resultar que todo o processo de votação é auditado para que o nosso compromisso com a ética, transparência, democracia e profissionalismo sejam resguardados.
Convocamos a todos os internautas brasileiros para votarem, através do nosso aplicativo móbile que também está disponível no Facebook, nos seus Chefs preferidos de cada estado do Brasil e o nacional.
Entendemos que esse processo não é uma disputa, mas uma grande celebração da gastronomia brasileira. Contamos com todos vocês, Chefs indicados e principalmente com os não indicados na edição 2015, pois todos vocês são os profissionais responsáveis pela grande riqueza histórica, cultura e profissional da gastronomia brasileira.
Que Deus nos abençoe!
Atenciosamente,
Geraldo Guerra Junior
Presidente do Grupo Conforto Gastronômico 

Prêmio Nacional DÓLMÃ

terça-feira, 3 de junho de 2014

Prêmio Nacional Dólmã reconhece os melhores chefs de cozinha do Brasil

Premiação de Gastronomia inédita no Brasil reuniu, no Recife, 64 chefs de cozinha, indicados de 18 estados e no Distrito Federal, que concorreram nas categorias Estado e Nacional





       A capital pernambucana transformou-se num verdadeiro tapete vermelho para a gastronomia brasileira, na noite de 29 de maio, na Arcádia Boa Viagem, Zona Sul da cidade, quando foi realizada a cerimônia de gala do Prêmio Nacional Dólmã.  Considerada a premiação máxima da gastronomia brasileira, a premiação reuniu 64 chefs de 18 estados do Brasil, incluindo o Distrito Federal, concorrendo na categoria Estado e Nacional.

    “O objetivo principal da iniciativa é valorizar, divulgar e, principalmente, reconhecer a capacidade profissional dos chefs de cozinha, que contribuem para o aquecimento da economia brasileira”, afirmou o idealizador e organizador do prêmio, o pernambucano Geraldo Guerra Júnior.

      Na categoria Nacional, o vencedor foi o chef pernambucano César Santos, que concorreu com os chefs Ricardo Caput (Minas Gerais), Thiago Castanho (Pará), Roberta Sudbrack (Rio de Janeiro), Teresa Corção (Rio de Janeiro), Alberto Landgraf (São Paulo) e Helena Rizzo (São Paulo). “Confirmo o Prêmio Nacional Dólmã, um produto lançado aqui em Pernambuco no Facebook e que acreditei desde o início. Parabenizo a todos as pessoas que criam projetos para reconhecer o nosso trabalho e aos chefs vencedores. Estou muito feliz”, discursou César Santos.

       Já na categoria Estado, foram indicados três chefs de cozinha em cada estado participante, no qual saiu apenas um vencedor. De Alagoas, o campeão foi Lucas Padilha, que disputou o título de “Melhor Chef” com Juliana Almeida e Tatiana Brasil.

Indicados Alagoas 

Chef premiado - Lucas Padilha


      Todos os chefs vencedores levaram para casa uma estatueta de bronze, assinada pelo artista plástico mineiro Léo Santana, confeccionada especialmente para a premiação. Entre as atrações da noite, o destaque foi a apresentação do trombonista Raul de Souza, considerado o número 1 do trombone pela crítica internacional, que entoou músicas de Luiz Gonzaga, acompanhado de algumas integrantes da Orquestra Criança Cidadã. A cerimônia do Prêmio Nacional Dólmã é anual e itinerante, ou seja, será realizada a cada ano em um estado brasileiro. A próxima cidade a sediar a premiação é Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, em 2015.


Prêmio Nacional Dólmã

Criado em junho de 2013, o projeto do Prêmio Nacional Dólmã foi desenvolvido no meio digital, na plataforma do Facebook. “Desde as primeiras postagens, a iniciativa inédita ganhou um corpo gigante na internet, mobilizando o Brasil em menos de um ano. O último estado a participar foi o Mato Grosso”, informa o idealizador e organizador do prêmio, Geraldo Guerra Júnior.

De acordo com ele, o projeto do Prêmio Dólmã, apesar de ser a primeira edição, promoveu uma grande mobilização nacional da gastronomia. “Foi um verdadeiro resgate do setor, que estava com poucos protagonistas, além de chefs de renome no anonimato nacional. Agora, esses profissionais puderam aparecer para o Brasil e nós quebramos paradigmas”, afirma.
Os estados participantes desta primeira edição do Prêmio Nacional Dolmã foram: Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Distrito Federal.

Estátua de Bronze - Feito por Leo Santana


Lista dos chefs vencedores:

CATEGORIA NACIONAL
César Santos

CATEGORIA ESTADO

Alagoas - Lucas Padilha
Amazonas - Paulo Fortunato
Ceará - Bernard Twardy
Goiás - Marcia Pinchemel
Mato Grosso - Ariani Malouf
Minas Gerais - Paula Cardoso
Paraná - Alessandro Dirienzo
Rio de Janeiro - Ana Ribeiro
Rio Grande do Sul - Xavier Gamez
São Paulo - Cássio Prados
Amapá - Dom Garcia
Bahia - Tereza Paim
Distrito Federal - Sandra Degraf
Maranhão - Nicolas Navez
Mato Grosso do Sul - Magda Moraes
Paraíba - Adeiton Meira
Pernambuco - Leandro Ricardo
Rio Grande do Norte - Daniel Simplicio
Santa Catarina - Helton Costa




Cobertura Oficial de imprensa:

www.tvguararapes.com/progs/galeria

Fonte: Rpress Comunicação (81) 3423-6444